terça-feira, 7 de julho de 2009

E o palhaço quem é?

Esta semana, pasmem, não aconteceram apenas os preparativos para o SHOWNERAL do Michael Jackson:
O Senado anda no cangote do Sarney, Lula anda querendo inocentar o ex do Brasil, o Obina fez gol e o Ronaldo voltou a fazer o que ele sabe melhor, (além de azarar a travecada e assaltar a geladeira lógico), o cabra voltou a falar besteira.
O Cobra D'água* do Nazário abriu a boquinha cheia de dentes dele pra dizer que o flamengo não tem a maior torcida do país.
Palavras do Fenômeno do Marketing:
– Eu sou flamenguista desde pequeno. Sempre fui ao Maracanã. Agora, estou no Corinthians. E o que eu aprendi no Corinthians é que essa pesquisa do Flamengo não é certa. Não é uma pesquisa correta. Eles pegam os torcedores dos outros Estados, que falam que o Flamengo é o seu segundo time do coração – disse Ronaldo em entrevista ao programa "Bem, Amigos", do SporTV
Os argumentos, sólidos como gelatina, utilizados por este senhor apenas refletem uma realidade entre muitas pessoas, elas se vendem de acordo com a situação, e não falo apenas de bufunfa, me refiro a não fidelidade aos princípios, me refiro à ter uma opinião de acordo com a situação.

"Nossa, essa tempestade toda por causa de uma declaração gerada por marketing de futebol?"

Winston Churchill certa vez disse algo assim: "Jamais ceder, jamais, jamais, jamais - em nada, seja grande, seja pequeno, amplo ou trivial -, jamais ceder exceto a convicções de honra e bom senso..."

Então é isso, faço alarde mesmo, fico chateado quando as pessoas não demonstram um caráter sólido, são como a palha que o vento disperça, já dizia o Salmista Davi. Pior foram os argumentos dele, que podem ser divididos em duas partes;
Na primeira ele quer impor sua autoridade no assunto apenas por que nasceu flamenguista e por que já foi ao maraca.
E no segundo momento ele se perde quando diz, "E o que eu aprendi no Corinthians é que essa pesquisa do Flamengo não é certa", se ele tivesse nascido palestino e tivesse a oportunidade de morar em Israel teriamos então hoje mais um anti-palstino no mundo, pois Ronaldo assimila a cultura de quem está pagando as contas e não pondera o que lhe é dito, é talvez ele pondere, mas os reais e os dolares falam mais alto as vezes, afinal pra ganhar din din vale tudo pra essa gente, e não se impressionem se daqui a pouco um monte de gente sem ter o que fazer começar a defender as idéias do cientísta esportivo Ronaldo Nazário.

É apenas mais um fraco das idéias, tanto quanto eu que ainda estou discutindo isso enquanto ele engorda a conta dele falando bobagens desse quilate, e olha que ele nem precisou estudar pra falar as asneiras que fala. Tudo bem que futebol, religião e gosto por mulher não se discutem, mas afirmar que a torcida do flamengo não é a maior do país é o mesmo que dizer que não foi o Michael Jackson que pela primeira vez executou o Moonwalk.

matando a cobra e mostrando o pau: cliquem aqui e aqui2, procurem mais no google, com certeza vão discordar do palhaço da vez.

*cobra d'água - Jargão utilizado para definir os canalhas que mudam de time como mudam de cueca.

A caricatura fui eu quem fiz, por isso não coloquei fonte.

2 comentários:

Only disse...

Meu amigo...Você ta um blogueiro de primeira...patrabéns pelo blog gostei do Post!
www.draysonalyson.com

Jamad disse...

O caba fico muito macho, véi!!!ALOPROU!! pra tranquilizar vç: As 2 maiores torcidas do Brasil são Coríntians e Flamengo( ordem alfabética)não há como mensurar qual é a maior!! Não dá! E ninguém vai gastar dinheiro pra fazer esta pesquisa minuciosamente, né? Tem coisa mais importante, gente! Como por exemplo... Desejar um Feliz dia do amigo!! vai que é tua Ramon
jama