quinta-feira, 12 de junho de 2008







"Mastruz e erva-cidreira

debaixo dum jatobá
menino querendo olhar
as calça da lavadeira
um chiado de porteira
um fole de oito baixo
pitomba boa no cacho
um canário cantador
caminhão de eleitor
com os voto tudo vendido
isso é cagado e cuspido
paisagem de interior."

Esses versos são fruto da mente marcada pelo nordestinismo de um cabra nascido em minha Campina Grande no estado da Paraíba.
Jessier Quirino é Arquiteto de Formação, porém seus dotes ultrapassam os calculos dos projetos arquitetônicos, antes é um apreciador e divulgador da cultura matuta.
É autor de Vários Livros onde expõe em suas poesias o cotidiano do povo do interior de um modo bastante característico e fidedigno.
Paisagem de Interior, A morte do matador, Voltando pro Nordeste são títulos de poesias em que Jessié empresta todo o seu conhecimento acerca do linguajar e do modo de viver do cabra que mora no interior.
Numa colher de chá procês eu vou encarcar o link pro site dele aqui, mas não caiam no costume não:
www.jessierquirino.com.br .
Dê uma googlada no nome de Jessier e você vai encontrar muito material, ouça, leia e comprove apreciando os versos de um verdadeiro menestrel Nordestino, que conduz com talento e simplicidade o legado deixado por Patativa.

Nenhum comentário: